Postado Por : Caio Nascimento 28.2.13

A dor da eliminação nos playoffs para o Baltimore Ravens foi completamente dissipada do coração azul/prata/vermelho dos torcedores do New England Patriots. O motivo? Bom, antes de explicar o motivo, vamos dizer que o New England Patriots estava planejando uma renovação de contrato com a sua maior estrela, Tom Brady.
Desde a eliminação, o assunto principal que percorria os bairros e jornais de Boston era a renovação do contrato da superestrela da franquia. Entretanto, os Pats tinha um teto salarial muito grande, algo que poderia prejudicar na formação da equipe para a próxima temporada. Tom Brady, antes da reunião de renovação, tinha um acordo que lhe garantia 30 milhões de dólares para as próximas duas temporadas.
Agora o motivo de tanta alegria para os torcedores do New England Patriots: Tom Brady renovou com o New England Patriots por 27 milhões de dólares para os próximos três anos! Isso significa que o time da Nova Inglaterra vai "abrir" 15 milhões de dólares a mais no teto salarial da equipe.
Esse número é excepcional para a franquia, pois, além de possibilitar a renovação de contrato de alguns jogadores importantes da equipe que serão free agents nessa janela (Wes Welker, Aqib Talib e Sebastian Vollmer), os Pats poderão se reforçar com free agents de outros clubes e assinar contrato com ótimas promessas no draft que acontece em julho.
Apenas nesse ano, o Patriots tem o direito de gastar cerca de 25 milhões de dólares com free agents. Considerando que há vários jogadores importantes de outras equipes que encontram-se nessa situação contratual para essa janela (Mike Wallace, do Pittsburgh Steelers, por exemplo), além de que o mercado de rookies deste ano tem tudo para ser o mais prolífico da história, essa "folga" no orçamento da equipe não poderia vir em uma hora melhor.
Tom Brady se desfez de um contrato em que ele poderia ganhar muito dinheiro (mesmo tendo ganho um bônus de 30 milhões de dólares por aceitar essa redução salarial que será dividido em dois anos) para ajudar o clube onde é um ícone, uma bandeira, um rei.
Muito se fala de sua vida particular (especialmente das belas mulheres que passaram por sua vida), de sua sorte em trabalhar com Bill Belichick, de ter sido escolhido na OITAVA rodada do draft e hoje ser um superastro. Por isso, Tom Brady, assim como o New England Patriots, é uma das personalidades mais odiadas nos EUA.
No fundo, todos sabemos que isso não passa de uma rixa agregada ao ódio quase sublime contra a franquia mais "cruel" da NFL. Tom Brady possui três Super Bowls, nove indicações para o Pro Bowl, duas vezes MVP do Super Bowl (XXXVI e XXXVIII), líder em passes para touchdown em toda história da franquia, quarterback mais rápido no pocket na história da NFL, quarterback com mais vitórias em playoffs na história da NFL (17 no total, superando Joe Montana), maior rating da NFL, segundo QB com maior sequencia de touchdowns na história da NFL e Gisele Bundchen como esposa. Precisa de mais recordes? Eu acho que não!
Tom Brady merece um contrato bem mais gordo do que já recebe e do que vai abrir mão de receber nos próximos anos. Porém, existe algo que Thomas Edward Brady gosta mais do que dinheiro e mulheres bonitas: Super Bowls. E pra conseguir a sua sexta participação no momento mais epopeico dos esportes americanos, como em uma de suas jogadas de no huddle, Brady abriu mão do dinheiro para fortalecer a sua equipe.
Bill Belichick vai ter todo tempo e dinheiro para conseguir montar um esquadrão tão forte quanto aquele dream team de 2007 que passou perto da temporada perfeita. Ainda é muito cedo para fazer previsões, mas o meu palpite é de que a defesa deve ser aprimorada ainda mais.
Se existia alguma dúvida com relação ao rei da Nova Inglaterra, essa demonstração de companheirismo calou todos os críticos de um dos maiores quarterbacks da história desse esporte. Se não bastasse toda a sua elegância no gramado, Tom Brady mostrou-nos que é um baita companheiro de equipe.
Ah, o novo contrato do "senhor Bundchen" equivale até os 39 anos. Atualmente, Brady tem apenas 35 anos, idade que é considerada o período perfeito para os QBs. A atitude altruísta de Tom Brady mostra que o New England Patriots vai vir babando para próxima temporada após decepcionar a torcida nos momentos decisivos. É bom as outras franquias abrirem os olhos, porque o camisa 12 está sedento!

Deixe um Comentario

Subscribe to Posts | Subscribe to Comments

Postagens populares

Total de visualizações

Seguidores

Tecnologia do Blogger.

Ads 468x60px

- Copyright © Trama Futebol Clube -- Traduzido Por: Template Para Blogspot